quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Flamengo abre guerra contra a CBF por título de 1987


O reconhecimento da CBF sobre os títulos da Taça Brasil e do Torneio Robertão (Taça de Prata) de 1959 a 1970 e o não reconhecimento do título do brasileiro do Flamengo em 1987, gerou descontentamento e a revolta da Presidente do clube carioca.

Em Nota Oficial, a mandatária do Flamengo desceu o verbo contra Ricardo Teixeira e rebateu as declarações sobre a má gestão no rubro-negro carioca, dizendo que o presidente da CBF era o principal responsável pelo fracasso da seleção nas Copas de 2006 e 2010.

O clima entre Fla e CBF está cada dia mais quente. Na mesma Nota, a Presidente do Flamengo afirmou que se Ricardo Teixeira vier a ser preso, não será pelo desrespeito a Decisão Judicial que legitimou o Sport-PE campeão de 1987.

A relação entre CBF e Flamengo sempre foi de lua de mel, mas os acontecimentos de 2010, entre eles o fato de Patrícia Amorim não ter votado no candidato do “todo poderoso” Ricardo Teixeira na eleição do Clube dos 13, gerou uma crise que hoje está mais pra divórcio.

Com toda esta lavagem de roupa suja entre a CBF e Flamengo, uma pergunta não quer calar: DE QUE LADO A GLOBO VAI FICAR NESTA BRIGA?

POSSÍVEIS RESPOSTAS:
1 – Do “seu queridinho” Flamengo, arriscando perder o monopólio nas transmissões dos jogos da Seleção?

2 – Da CBF, garantindo a cumplicidade com a instituição e depois se entende com o Flamengo?

3 – Como sempre, vai agir nos bastidores e fazer um “arrumadinho” entre o Flamengo e a CBF?

4 – Outra?


Estarei aguardando as respostas nos comentários.

Um comentário:

julio disse...

hahahahaha ta ae oh,a resposta opcao 3 kkkkkkkkk
esse brasil é uma piada mesmo